domingo, 2 de abril de 2017

Autoconfiguração de proxy com NetworkManager + PACRunner

No NetworkManager 1.6, temos novidades na forma de lidar com configuração automática de proxies. Agora, o NM pode obter a configuração via WPAD (DHCP) e enviá-la ao PACRunner, outro daemon, ativado via D-Bus, que trata de processar o JavaScript recebido e responder às requisições dos clientes. Os proxies podem ser configurados de acordo com a interface, caso mais de uma exista.

Os clientes falam diretamente com o PACRunner usando sua interface via D-Bus, ou, para os que linkam a libproxy, uma biblioteca de compatibilidade provida pelo daemon faz o mesmo. Essa biblioteca substitui a libproxy original, sendo mais simples e eficiente. Trabalha apenas consultando-o via D-Bus.

O design está aqui: https://wiki.gnome.org/Projects/NetworkManager/Proxies

        +----------------+
        | NetworkManager |
        +----------------+
                |
                | D-Bus (org.pacrunner.Manager.CreateProxyConfiguration)
                v
        +----------------+         +-----------+
        |   PACRunner    | <---->  | v8, mozjs |
        +----------------+         +-----------+
            ^         ^
            |          \ D-Bus (org.pacrunner.Client.FindProxyForURL)
            |           +----------+
            |                       \
            |                        v
            |             +----------------------+
            |             |                      |
            |             |    libproxy.so do    |
            |             |      PACRunner       |
            |             |   (API compatível)   |
            |             |                      |
            |             +----------------------+
            |                        ^
            |                        | libproxy API (px_proxy_factory_get_proxies)
            |                        v
            |                  +-----------+
            |                  | Cliente 2 |
            |                  +-----------+
            |
            | D-Bus (org.pacrunner.Client.FindProxyForURL)
            v
      +-----------+
      | Cliente 1 |
      +-----------+

Nem tudo são flores

E se o cliente não conversar com o PACRunner via D-Bus nem linkar a libproxy? Daí restam as variáveis de ambiente, que são terrivelmente problemáticas com autoconfiguração de proxy e não são suportadas pelo PACRunner.

Arch e openSUSE não empacotam o PACRunner. Já a versão que está no Fedora é velha demais e é compilada com --disable-libproxy.

Bugs

NetworkManager 1.6.2 (última versão estável enquanto escrevo) não envia a configuração ao PACRunner (BGO#780558).

Ainda ruim

Autoconfiguração de proxy no GNU/Linux tem avançado a passos de tartaruga. O esqueleto de uma configuração funcional existe; os clientes, contudo, precisam parar de depender de variáveis de ambiente. Visto que a libproxy possui uma API simples, o ecosistema poderia padronizar nela a tarefa de lidar com proxies. Dos componentes básicos, a libcurl é usada por muitos códigos que acessam a internet. Precisaria ser a primeira a passar a usá-la (patch existe).

Nenhum comentário:

Postar um comentário